Ueba^^

Uêba - Os Melhores LinksUm mundo de conteúdoEstá no seu momento de descanso né? Entao clique aqui!Tedioso: Os melhores links

quarta-feira, fevereiro 12

A caça de tesouros submersos no rio Chao Phraya

Fonte Fonte

Cupinchas! Riso For 
Quando estava no Japão, certa vez eu assisti pela TV, o trecho de uma reportagem que contava um pouco sobre a atividade desses caçadores de tesouros em rios da Tailândia. 
Procurei mais informações sobre esses mergulhadores, mas só encontrei um vídeo recentemente produzido por um site Tailandês Riso For Muito bom por sinal Riso For

Segue adaptação:

"Sob 16 metros de água poluída, eles mergulham às cegas na escuridão absoluta, buscando fortuna com as próprias mãos. Nós achamos inacreditável que existam homens que entregam a sua vida na busca por tesouros no fundo do rio Chao Phraya em Bangkok na Tailândia. 
E é ainda mais difícil de acreditar que eles exerçam essa atividade, usando apenas equipamentos caseiros, antiquados capacetes de mergulho ligados a um compressor de ar na superfície.

'Os outros podem achar que é um trabalho assustador, mas eu estou acostumado. E quando a gente se acostuma com isso, não é mais amedrontador.' O Senhor Khun Saam de 47 anos e 26 mergulhando à caça de tesouros, inicia assim a sua atividade diária e o pequeno documentário produzido pelo site Coconuts TV.

'Me perguntam se este trabalho é perigoso, sim, é perigoso. Quando a correnteza está forte, então é perigoso. Assim que trato de mergulhar somente quando o rio está calmo.'

Todos os dias, caçadores de tesouros arriscam suas vidas no Chao Phraya, vasculhando a lama do fundo do rio, em busca de verdadeiros tesouros abandonados.

'É um trabalho fácil, sem chefes que lhe contratem e paguem menos. Mergulhar, significa ser o seu próprio patrão. Se pode sair quando quiser, descansar quando quiser. Não é preciso pressa e se pode fazer assim, continuamente.'

Os mergulhadores bombeiam ar da superfície com compressores, para dentro dos seus clássicos capacetes caseiros. Capacetes estes feitos de chapas de ferro ou alumínio, uma válvula simples para a entrada de ar, borracha para a vedação do vidro que serve de visor e blocos de ferro, chumbo ou pedras para dar peso. O suprimento de ar de compressor é contínuo e entra pela válvula no alto do capacete, saindo pelas bordas que ficam na altura do pescoço. Mais simples impossível. 
(Frio e com um cheirão de óleo nauseabundo.Riso For Já usei um equipamento idêntico em limpeza de tanques para usinas Riso For rusmea.com)

'Às vezes achamos antiguidades sob as águas. Em certos dias, não se acha nada, mas geralmente eu encontro coisas. 
O mergulhador não fica em débito com outra pessoa. É um velho método de ganhar a vida. 
Por mais de 100-200 anos, as pessoas tem encontrado coisas de valor no rio.' 

Os mergulhadores trabalham em duplas ou trios, onde se revesam na busca por qualquer objeto de valor, que são repartidos em partes iguais no final do expediente.
(A maioria dos objetos antigos, são comprados por mercadores locais que revendem à turistas, inclusive de vários países. Alguns poucos desses objetos, acabam em museus ou em coleções particulares. NDT. rusmea.com)

'Nos fins de semana, alguém vem à minha casa comprar o que achei durante a semana e então, ele revende para outra pessoa. Algumas coisas que encontramos, remontam o período Ayutthaya ou o reinado de Rama V e há objetos ainda mais antigos.'




'A maioria dos itens são provenientes de barcos chineses, navios de carga de atividades comerciais com a Tailândia; usando ambas moedas, dinheiro tailandês e chinês.' Explica o Senhor Khun Bo a origem de tantas coisas esquecidas no fundo do rio.

'Eles teriam usado tais dinheiros para comercializar itens entre os países.'

'Esta é uma antiga tigela chinesa.'


'Esta é uma antiga tigela usada para coisas pequenas. Veio do Japão.'
'Esta é uma antiga tisana chinesa para chá.'
'Isto é do tempo do Rei Rama III; 1 Baht e 25 Satang e 1 Fuang. Isto é da Tailândia.'
(Parecem projéteis de armas já disparados né cupinchas? Riso For Pois se trata de dinheiro "Chamado de "phot duang" Ou "moeda bala". Riso For Imagens mais nítidas dessas moedas aquiRiso For rusmea.com)
'Isto é chamado de 'Pee', e vem da China. É um antigo dinheiro chinês, utilizado para comércio.'
Notem que a antiga moeda é feita de cerâmica:
'O mergulhador fica de 5 minutos a 1 hora submerso. Se ele sentir frio, ele pode sair quando quiser.'

A cor da água perto da superfície:
'Quanto mais rápido ele coletar itens, mais rápido ele retorna à superfície.'

'Quanto mais ele demorar para encontrar objetos, mais tempo ele precisa ficar submerso.'

'Meus ancestrais passaram este trabalho adiante à cada geração; de avô para pai, de filho para neto.' Explica o o Senhor Khun Bo. 'Eu sou feliz com este trabalho, porque é livre. Se começa e se termina quando quiser. 

Alguns objetos modernos também são encontrados como este rádio amador:
Segundo o Senhor Khun Saam: 'Quando se sente que já mergulhou o bastante, é hora de se aposentar. Geralmente os mergulhadores abandonam a profissão por volta dos 60 anos.'

'Pois não se pode ver nada na água e a pressão esmaga o seu corpo... 

...Se a pessoa é muito velha, fica difícil demais. Assim que jovens surgem para substituir os mergulhadores mais velhos.'

'Mas as coisas a serem encontradas no rio, talvez possam vir a acabar.'

Em 10 ou 20 anos, a partir de agora, não será mais possível encontrar objetos.'

'As coisas antigas do rio não são substituídas...

...Todos os dias a quantidade de itens vai se escasseando, cada vez menos e menos...

...Mas por agora, são fáceis de achar.'"

O mini-documentário que mostra um pouquinho desta atividade:



Eu sei...Também fiquei na dúvida cupinchas...Riso For
Os objetos antigos provém de naufrágios? Riso For
Foram tantos assim ao ponto de existirem vários mergulhadores que coletam há várias gerações? Riso For
Na reportagem que eu vi na TV japonesa, disseram que muitas espadas, tigelas e outros itens, provinham de campos de batalha...Riso For Mas não acho que explique tantos itens encontrados neste rio, portanto, assim que eu encontrar mais informações sobre estes caçadores de tesouros, eu atualizo este post Riso For

Riso For Update:

O cupincha Predador nos brindou com a seguinte explicação nos comentários:

Inundações, a água varre tudo, e algumas coisas ficam no fundo do rio... o resto vai para o mar... só que a Thailandia tá com uma solução e um problema ao mesmo tempo, é que muitos de seus rios, provém da China... E a china represa os rios para fazer hidrelétricas, logo vários peixes não podem subir o rio para reproduzir, ficando poucos peixes para os Thais, e... diminui a força dos rios, melhorando o problema das inundações durante o período das monções..."
Arigatou^^
Abrax^^

Assinatura: Não vá embora ainda!Passe na página inicial AQUI e confira outros posts!
Os emoticons espalhados pelo blog são sonoros, clique neles mas cuidado com o volume!
Lista de todos os Smyles sonoros AQUI

2 comentários:

Predador Design disse...

Inundações, a água varre tudo, e algumas coisas ficam no fundo do rio... o resto vai para o mar... só que a Thailandia tá com uma solução e um problema ao mesmo tempo, é que muitos de seus rios, provém da China... E a china represa os rios para fazer hidrelétricas, logo vários peixes não podem subir o rio para reproduzir, ficando poucos peixes para os Thais, e... diminui a força dos rios, melhorando o problema das inundações durante o período das monções...

Rus mea disse...


Nossa!OO'

Então está explicado^^

Obrigado pela contribuição predador^^

Abrax^^