Ueba^^

Uêba - Os Melhores LinksUm mundo de conteúdoEstá no seu momento de descanso né? Entao clique aqui!Tedioso: Os melhores links

segunda-feira, novembro 18

Ruínas do centro de biotecnologia de alimentos - F

Fonte 


Cupinchas! Riso 

For 
Hoje eu compartilho com vocês, uma visita que os manolos do site junk555, fizeram ao que parece ser um tipo de processadora de alimentos no norte do Japão...
Apesar das belas imagens, os manolos não deram muito detalhes do lugar, nem de sua localização ou as razões do seu abandono. Riso For

Segue adaptação:
"Prefeitura de Hokkaidou
  Norte do Japão.

Em um imenso terreno estão as ruínas da fábrica de alimentos e o que restou dos alojamentos para os funcionários. 
Nessa região, ruínas são tão grandes quanto a imensidão do território de Hokkaidou...
A marca registrada destas ruínas.
A torre prateada que brilha ao sol.
Na verdade essa torre era um reservatório d'água que abastecia a fábrica.
Esta é a época em que o verde domina esta província.
Assim que vamos ter que abrir caminho pela vegetação.
O primeiro local que acessamos...
...Parece ser um prédio que era utilizado como alojamento para funcionários.
Há marcas de que houve uma tentativa de demolirem o local.
Todos os prédios neste terreno, se encontram mais ou menos neste estado de destruição.
A vegetação adentra o alojamento e parece 'segurar' alguns objetos com os suas ramas...
A porta por onde adentramos neste alojamento.
O som ecoa característico pelas...
...Paredes deste banheiro comunitário.
A destruição está bem avançada neste que parece ser, uma acomodação para solteiros
Acomodação para solteiros, não quer dizer que era individual.
Na verdade, colchões eram estendidos neste quarto, onde dormiriam de 2 a 4 funcionários da fábrica.
Há lugares que são perigosos por aqui.
Um tropeço é o suficiente para se cortar com esses escombros.
Daqui seguimos para outra área.
Saímos um pouco...
...E nos dirigimos para a fábrica.
Bastante destruída.
Como se houvesse passado um tufão por aqui...
Estas máquinas são aquecedores d'água.
Pelo tipo de controles e pelo estado relativamente novo, se pode ter uma ideia do tempo relativamente curto de abandono...Porém, mais adiante constatamos pela quantidade de musgo, que o lugar está abandonado há mais tempo do que imaginávamos...
Um imenso galpão. 
O piso de madeira se encontra ondeado, com cada uma das tábuas empenadas.
Talvez devido ao peso da neve do inverno...
...O telhado tenha ruído por completo nesta área do galpão.
Há uma grande quantidade de sacos de lixo...
...E caixas de papelão, no que parece ser um depósito.
O telhado está caído todo retorcido. 
Será que foi mesmo o peso da neve? 
Ou a passagem de um tufão? 
Por mais que estejamos no interior da construção, devido a falta do telhado, mais parece que estamos fora dela....
Vista do outro lado deste depósito. 
Fomos em direção ao pátio da empresa.

E daqui nos dirigimos ao maior prédio da propriedade.


Quando vimos este carro, nós levamos um susto...(Como já expliquei em outros posts sobre ruínas do Japão, esses exploradores vivem se metendo em encrenca, devido a que todas essas visitas, são invasões de propriedade.  É natural que eles se assustem com qualquer coisa que lembre a presença de alguém!  rusmea.com)

Nos dirigimos para dentro do prédio...
...Através deste corredor.
Aqui parece ser uma sala de escritório....
...Ou uma sala para reuniões...
A cozinha do refeitório. 
Um aquecedor d'água, perfeitamente utilizável ainda.
Aqui também o teto ruiu. 
As panelas para cozinhar uma grande quantidade de arroz. (Sonhei com uma dessas quando tinha 4 anos e nem sabia que existiam. Riso For Qual não foi a minha surpresa ao encontrar essas panelas em grandes refeitórios do Japão! Riso For rusmea.com)
O banheiro. 
Nos dirigimos ao quarto de banhos comunitário.
No quarto de banhos exclusivo para funcionários...
...A destruição também é total.
Outras áreas...
...Da construção.
Todo caso, estas ruínas são imensas. 
Talvez seja a maior propriedade que tenhamos visitado até agora.
Apenas esta parte...
...Tem um design um tanto futurista.
Avançando um pouco mais, encontramos mais habitações do que parece ser mais um alojamento para funcionários.
O piso está coberto de uma 'plantação' de musgo.
Esta habitação também está coberta de musgo.
E esta também.
Quanto tempo é preciso um lugar ficar abandonado...
...Para que o musgo tome conta assim?
Nos dirigimos ao segundo andar.
A escada vista de cima.
Bastante destruído.
O ar de abandono é extremo.
Todas as construções desta propriedade, possuem o segundo andar destroçado. 
Aqui nos preparamos para ir embora.
Realmente, são ruínas imensas e impressionantes. 
Ficamos com muita vontade de voltar a Hokkaidou, para uma nova visita a esse fantástico lugar."

Legalzinho né cupinchas? Riso For

Abrax^^

Assinatura: Não vá embora ainda!Passe na página inicial AQUI e confira outros posts!
Os emoticons espalhados pelo blog são sonoros, clique neles mas cuidado com o volume!
Lista de todos os Smyles sonoros AQUI

Nenhum comentário: