Ueba^^

Uêba - Os Melhores LinksUm mundo de conteúdoEstá no seu momento de descanso né? Entao clique aqui!Tedioso: Os melhores links

domingo, setembro 15

Ruína curta - as lendárias ruínas da vila Kurasawa

Fonte 


Cupinchas! Riso 

For 
As ruínas desta lendária vila são tão misteriosas e as publicações sobre ela são tão raras e contraditórias na web Japan, que a sua existência era praticamente uma lenda urbana...
Por incrível que pareça, a localização dessa etérea vila está bem próxima da capital Tókio, no distrito de Okutama, região onde se encontra também o teleférico abandonado, postado aqui no rusmea.com Riso 

For

Segue adaptação:


"Em janeiro de 1940 (Showa ano 15), houve o início da terraplenagem para receber a futura vila em Okutama, findando essas obras em maio do mesmo ano. Em 1943, foram iniciadas as construções e um ano após, o local contava com um refeitório, um quarto de banhos comunitário, uma escola e 16 casas, chegando a ter um total de 200 pessoas morando no assentamento. 


No entanto, foram construídas logo em seguida no vale de Nippara em Okutama, 7 moradias para funcionários e em maio de 1954 (Showa ano 29), começaram as obras para a criação de 24 alojamentos familiares e 20 alojamentos para solteiros. Além das pessoas terem ido morar em Nippara, com a conclusão dos novos alojamentos em 1958, a vilinha acabou sendo abandonado aos poucos devido também, ao declínio da exploração de carvão vegetal ou mineral" segundo as contraditórias fontes...


"Para alcançar a vila de Kurasawa, é preciso seguir a pé por uma trilha na montanha. 
A vila se encontro logo adiante deste famoso local turístico, o cipreste de Kurasawa, uma árvore com mais de 600 anos.

Andando mais um pouco, se encontra a escadaria que leva a vila, que está assentada sobre uma plataforma de alicerces de pedra.
 A vila parece ser bem antiga.

Com o sucesso na exploração de carvão mineral, a corporação Okutama, construiu alojamentos para funcionários, nascendo assim a vila de Kurasawa.
Avançando por uma estradinha através da vila em ruínas...

...Se chega ao ou outro lado em pouquíssimo tempo, pois a área total da vila é de 600 metros.
Nesta vila haviam além das casas para funcionários, um ambulatório, um quarto de banhos comunitário, um salão para reuniões da comunidade, um refeitório e uma barbearia.

E à propósito, isto é o que sobrou da cadeira da barbearia.
A única casa de 2 andares, parece que pertenceu a pessoas influentes...

Decido dar uma olhada por dentro.

Livros e jornais não passam despercebidos à quem explora lugares abandonados.
(Os títulos em letras garrafais dizem: "Luz do sol no vale do governo", "Redução na posição de destaque" e "investigação na represa Kuromata" Riso For  rusmea.com)

Sobre o que um dia foi um tatame, descansa o capacete de um pai de família.
Os vasilhames 'pré-históricos' de Fanta e de um refrigerante da marca Kirin.

Fotos de estrelas daquele tempo.
O natal desbotado de um passado longínquo.

Os poucos objetos abandonados, remetem diretamente ao passado.
Mudança de estação. 
Assim é a vila de Kurasawa no verão.
Por mais que fosse um lugar um tanto remoto na montanha, parece que a entrega de leite era garantida, como mostra a garrafinha vazia de leite da marca Meitou.

Se pode ver por toda a tranquila vila, a destruição causada pelas guerras de 'survivor game'... (Survivor Game ou Sabaibaru Gemu é parecido com o paintball, em que se usa armas que calçam esferas BB de 5,5 milímetros Riso For rusmea.com)
Há locais onde foram erguidas até barricadas...

As árvores refletem o brilho sedutor desta caldeira.

Há pessoas que consideram esta vila abandonada, um lugar sinistro e amedrontador. 

Mas ao adentrar os seus domínios, se sente muita paz.
Para falar a verdade, eu gosto muito deste lugar.

Estas ruínas são perfeitas para exploradores urbanos principiantes como eu, assim que visitei a vila várias vezes, sempre com um guia.

A nostálgica Kurasawa...
Pena que este lugar já não é mais nem sombra do que foi um dia...

Esta boneca chegou a me assustar certa vez, mas não se encontra mais no local...

É uma vila em ruínas que está tentando se unir à natureza... 

Mas como sempre, o destino destas ruínas está selado pelas mãos dos homens/vândalos...
 ...E não restará mais nada neste lugar..."

Mais algumas imagens:










Como disse antes, são poucas as publicações aproveitáveis sobre esta vila...
Fala sério! Riso For 
A gente queira ver mais né? Riso For 

Abrax^^

Assinatura: Não vá embora ainda!Passe na página inicial AQUI e confira outros posts!
Os emoticons espalhados pelo blog são sonoros, clique neles mas cuidado com o volume!
Lista de todos os Smyles sonoros AQUI

8 comentários:

wulfgar disse...

muito legal o post.esses lugares abandonados sao show de bola.abç.

Rusmea R. M. disse...


Arigatou^^

Pena que há poucas informações sobre essa vila...

Só postei pela raridade mesmo^^

Obrigado pelo comment Wulfgar^^

Abrax^^

Marçal Fujibayashi disse...

Muito legal... o local é cheio de bons espíritos.
Mas não entendo porque locais tão agradáveis assim são abandonados... essas moradias seriam uma ótima opção para alugar para famílias passarem férias... conheço alguns lugares assim no Japão e que estão sempre cheios.

Rusmea R. M. disse...


Excelente questão Zetto^^ Mas não tenho como responder...^^'

Há lugares que são verdadeiros paraísos, com rio para pescar e tudo...E mesmo assim, abandonados...
Não entendo...

Abrax^^

Noite Sinistra disse...

Embora as construções estejam muito deterioradas pelo tempo e pela falta de manutenção, o lugar é muito bonito...A natureza reclamando de volta o espaço que um dia o homem já modificou, geralmente cria paisagens incríveis...

Rusmea R. M. disse...


Que poético Noite^^

Tu estás inspirado hoje^^

Abrax^^

Bruna Battirola disse...

Ta muito legal! E essa boneca parece com as que tem na lendária Isla de las Muñecas, no México.
http://www.felizanovelho.com/2013/06/isla-de-las-munecas.html

Rusmea R. M. disse...

Show Bruna^^

Abrax^^