Ueba^^

Uêba - Os Melhores LinksUm mundo de conteúdoEstá no seu momento de descanso né? Entao clique aqui!Tedioso: Os melhores links

quarta-feira, junho 19

Um povoado devorado pelo sal

Fonte Fonte


Cupinchas! Riso For 
Que bela desolação é este lugar na Etiópia!  Riso For 
É um lugar ao mesmo tempo, triste, assustador e deslumbrante! Riso For

Segue adaptação e lista de imagens:

 "É uma das regiões mais desérticas e extremas do mundo, na Etiópia. Um velho povoado construído por uma companhia italiana, como base junto a uma mina para explorar os minerais a céu aberto, ficou totalmente abandonado até 1960.


A antiga comunidade mineira, estabelecida por uma companhia italiana e posteriormente em mãos de uma empresa Americana, esteve ativa dos princípios de 1900 para ficar totalmente abandonada em 1960. Restos de carros abandonados, garrafas e ferramentas permanecem no lugar como se ninguém os tivesse tocado por décadas.
Conhecido atualmente como o povoado fantasma da região de Dallol, o lugar oferece hoje uma paisagem no mínimo estranha: o sal utilizado como material de construção em blocos para algumas moradias, somada à ação erosiva natural do meio e o clima, devoraram a cada canto do velho acampamento.

As ruínas carcomidas pelo sal do antigo povoado, estão situadas em uma das regiões mais inóspitas do mundo, na depressão de Afar, próximo ao vulcão Dallol, do qual a vila toma seu nome. Dallol é um povoado considerado fantasma, e de fato não registra população nem é facilmente acessível. Não conta com estradas e o único meio de transporte para chegar lá, é através de caravanas de camelos que cruzam o deserto até as minas de sal.


A zona é famosa por estar entre as mais quentes do mundo, cravejada de vulcões ativos e mares de sal. O ambiente acabou por devorar o antigo povoado abandonando-o a sua sorte, como se seus habitantes tivessem desaparecido de um dia para o outro.

O pior inimigo da vila abandonada, sem dúvida não são os saqueadores: devido a que quase todos os edifícios foram construídos com blocos de sal e sob à voracidade do ambiente, a antiga cidade e a fábrica, bem como o que sobrou de uma estrada de ferro que conduzia ao lugar, é hoje um monte de escombros e ruínas enferrujadas.

As construções, com blocos de sal, ainda se mantêm de pé, mas talvez o mais icônico depoimento da agressividade sejam os restos de veículos, literalmente devorados pelo sal."








A região é praticamente um belíssimo mar de sal.












Abrax

Assinatura: Não vá embora ainda!Passe na página inicial AQUI e confira outros posts!
Os emoticons espalhados pelo blog são sonoros, clique neles mas cuidado com o volume!
Lista de todos os Smyles sonoros AQUI

Nenhum comentário: