Ueba^^

Uêba - Os Melhores LinksUm mundo de conteúdoEstá no seu momento de descanso né? Entao clique aqui!Tedioso: Os melhores links

domingo, maio 26

A cidade milenária que tinha ar-condicionado

Fonte Fonte 

Cupinchas! Riso For 
Esse sistema me deu uma ideia de como criar um condicionador de ar para o meu Fusca! Riso For

Segue adaptação:


O captador de vento é um dispositivo incorporado à arquitetura Persa, que permitiu desenvolver cidades inverossímeis em zonas desertas. Um simples dispositivo em forma de torre e um complexo sistema de ventilação, que não consome nenhum tipo de energia, refrescava os ambientes permitindo espantosas populações. Talvez o melhor exemplo aplicado, seja a hoje em ruínas, cidade de adobe de Arg-é Bam.


Arg-é Bam foi uma cidade imponente completamente feita de barro, construída com centenas de torres captadoras de vento. Antes de um poderoso terremoto no ano 2003, foi a maior construção de adobe de todo o mundo. Lamentavelmente, hoje encontra-se neste estado:


Arg-é Bam, está situada no Irã, perto da cidade moderna de Bam, e era uma joia pouco conhecida, ainda que declarada como Patrimônio da Humanidade pela UNESCO. Foi construída anterior ao ano 500 a.C e estava abandonada há apenas 150 anos.


O sistema de ar acondicionado

Como muitas das cidades do Irão,submetidas a um clima abrasador no verão, as condições extremas promoveram a busca de um sistema para suportar o clima. Para isso, utilizavam em todas as construções, paredes muito grossas que possibilitavam o isolamento térmico. Mas só com isso, não era suficiente. Na antiga Bam, utilizaram em massa, um curioso sistema para capturar o vento através de torres que sobressaíam de cada edifício.


Trata-se de um desenho que possibilita a captura do ar, para refrescá-lo no interior, e redistribuí-lo. O mecanismo começa a funcionar através do captador de ar no alto da torre, abrindo somente as bocas na direção de onde provém o vento. O ar ingressa impulsionado naturalmente para o interior do edifício, para em uma segunda etapa, ser reconduzido para os dutos de qanat, outro dispositivo, geralmente subterrâneo, por onde circula a água que resfria e umedece o ar, depois é reconduzido para os porões inferiores das moradias, os espaços mais frescos são para as atividades diurnas. Ao mesmo tempo, outra abertura independente na torre, permitia deixar o ar quente sair.


Trata-se de nada menos que um modelo de arquitetura sustentável, ainda que aplicável somente em zonas de ar muito seco, já que a falta de ventilação em moradias muito fechadas, é propícia à proliferação de fungos em áreas mais úmidas.


A reconstrução de Arg-é Bam

Lamentavelmente, as maiorias das torres de vento que sobressaíam sobre Arg-é Bam, sucumbiram ante o terremoto do ano 2003, aproximadamente 80% de toda a Cidadela. O dado alentador, é que são vários os países (entre eles Japão, Itália, e França) que estão fazendo grandes contribuições para a reconstrução.
Somente a muralha, conta com mais de 28 torres, e abundam construções que tinham funções como estábulos, banhos públicos, prisão, quartel e mesquitas.




Muito louco né? Riso For 
Que bom que está sendo reconstruída! Riso For 

Abrax

Assinatura: Não vá embora ainda!Passe na página inicial AQUI e confira outros posts!
Os emoticons espalhados pelo blog são sonoros, clique neles mas cuidado com o volume!
Lista de todos os Smyles sonoros AQUI

2 comentários:

Noite Sinistra disse...

A engenharia do passado era fodahh...

Rusmea R. M. disse...

Me pergunto se é realmente necessário o condicionador de ar elétrico em grandes cidades depois dessa...

(eu quero muito um sistema desses no meu Fusca^^, um swamp cooler^^)