Ueba^^

Uêba - Os Melhores LinksUm mundo de conteúdoEstá no seu momento de descanso né? Entao clique aqui!Tedioso: Os melhores links

segunda-feira, fevereiro 25

Yves Saint-Laurent e o Jardim Majorelle

Fonte Fonte Fonte Fonte


Cupinchas! Riso For 
Olhem só esta maravilha! Riso For 
Oh! Mon dieu! Riso For
C'est la couleur la plus belle que j'ai jamais vu! Riso For Uh-lá-lá! Riso For

Segue:


Majorelle, é um jardim botânico de Marrakech no Marrocos. Foi desenhado pelo artista expatriado Francês Jacques Majorelle em 1924, durante o período colonial, no qual o Marrocos estava sob a administração da França.




Jacques Majorelle era filho do ebanista e desenhador de Art nouveau, Louis Majorelle. Em 1919 ele se instala em Marrakech e se apaixona pelas luzes, pelas cores, odores, ruídos, arquitetura, habitantes, pelos Zoco ou mercados tradicionais ao ar livre e das Alcaçovas.



Em 1922, ele compra uma fazenda de palmeiras no borde do palmeiral de Marrakech, aonde em 1931, faz construir pelo arquiteto Paul Sinoir, o seu chalé ao estilo Art déco de uma assombrosa modernidade, inspirado em Le corbusier e no palácio da baía de Marrakech.


Do seu atelier no primeiro andar, saíram seus imensos decorados. Apaixonado por botânica, cria o seu jardim em torno do chalé, com vários ambientes e uma vegetação exuberante onde centenas de pássaros criam seus ninhos. Esse jardim é uma obra de arte viva em movimento, composto de plantas exóticas e espécies raras que ele trouxe das viagem que fez por todo o mundo.



Em 1937, o artista cria uma cor azul ao mesmo tempo, intenso e claro, o azul Majorelle, com o qual ele pinta as paredes do chalé, logo, o jardim inteiro para fazer um quadro vivo que abre ao público em 1947.
Devido a um acidente de carro, Majorelle se repatria em Paris e desaparece em 1962.
O jardim fica abandonado.



Em 1980, Yves Saint-Laurent  e seu amigo Pierre Bergé, fundam a "Association pour la Sauvegarde et le Rayonnement du Jardin Majorelle", readquirem o chalé, atelier e o jardim, que o restauram e desenvolvem ao espirito do autor do lugar, incrementando o numero de espécies vegetais do jardim de 135 para mais de 300. 




Conservam uma parte para uso privado e transformam o atelier no Museu de arte islâmico de Marrakech, aberto ao turismo, onde expõem sua coleção pessoal de objetos de arte islâmicos do Magreb, Oriente Médio, África e ásia: Joias, armas, tapetes, revestimentos de madeira, cerâmicas, telas e desenhos do artista.
Atualmente, o jardim é cuidado por 20 jardineiros e é uma das atrações turísticas mais importantes de Marrakech.


Após a morte de Yves Saint Laurent em 2008, suas cinzas foram espalhadas no Jardim Majorelle.

Mais imagens desse paraíso:
























Abrax^^

Assinatura: Não vá embora ainda!Passe na página inicial AQUI e confira outros posts!
Os emoticons espalhados pelo blog são sonoros, clique neles mas cuidado com o volume!
Lista de todos os Smyles sonoros AQUI

Nenhum comentário: