Ueba^^

Uêba - Os Melhores LinksUm mundo de conteúdoEstá no seu momento de descanso né? Entao clique aqui!Tedioso: Os melhores links

quarta-feira, fevereiro 6

Yasuke - o Samurai Africano

Fonte Fonte Fonte Fonte  Fonte Fonte Fonte Fonte Fonte Fonte Fonte Fonte Fonte Fonte Fonte Fonte Fonte Fonte 


Honoráveis cupinchas...Riso For 
Faz dias que tenho rasgado a web de ponta a ponta em busca de informações sobre esse homem que ainda que sejam apenas fragmentos, deixou a sua marca na história.
A maioria das informações são trechos, citações, retalhos, enfim...A história não foi generosa em preservar a memória desse guerreiro...
Riso For 
Mesmo assim, compartilho tudo o que encontrei referente a Yasuke, o Samurai Africano. Riso For 

Segue:

Todas as imagens deste post são ilustrativas, apesar da maioria serem referências diretas a Yasuke.


Durante o início do século 16 os Japoneses começaram a ter os primeiros contatos com pessoas provenientes da África, levados ao Japão como escravos pelos missionários Jesuítas Portugueses.
Um jovem Africano chega ao Japão em 1579 como servo do jesuíta italiano Alessandro Valignano.
Valignano esteve na capital no dia 23 de março de 1581 levando o imenso rapaz que causou uma grande sensação pela cor da sua pele e por seu porte físico, várias pessoas se acotovelavam para vê-lo. O senhor feudal Oda Nobunaga ouviu falar sobre o tal "monge" e expressou o desejo em conhecê-lo.
(O grande estrategista militar Oda Nobunaga...Dava pra entupir este blog de postagens só falando sobre ele...)

Capa e verso originais do livro de Yoshio Kurusu da década de 40
Nobunaga fica impressionado como a maioria das pessoas naquela época.
Era o primeiro grande contado de que se tem registro da África com o Japão.
Valignano presenteia o rapaz a Nobunaga, e este por sua vez simpatiza muito com o escravo, lhe rebatizando de Yasuke, colocando-o ao seu lado e nomeando-o membro da sua guarda pessoal, portanto, um verdadeiro Samurai.

Bela representação artística moderna de Yasuke

Há o registro de que em maio daquele ano,Yasuke fez uma breve viagem a província de Echizen com os jesuítas, que recebeu dinheiro do sobrinho de Nobunaga e que este gostava de conversar com Yasuke que já havia aprendido um pouco do idioma.
Também que os filhos do Senhor feudal simpatizaram muito com o samurai de ébano, e que Nobunaga concede uma de suas filhas adotivas em casamento.

Naturalmente que não existiam máquinas fotográficas naquele tempo...
A imagem acima, provavelmente é de alguma representação teatral moderna...

Algumas fontes dizem que Yasuke era bacongo, proveniente da região onde hoje é a atual republica do Congo, outras fontes dizem que ele era da Itália e a maioria das fontes afirmam que Yasuke era proveniente do lugar a que hoje é conhecido como Moçambique.

Yasuke como personagem de Mangá

Há quem diga atualmente que devido a pessoa de Oda Nobunaga ser extravagante e excêntrica, Yasuke teve esses "privilégios" apenas como uma curiosidade ou ferramenta política de popularidade com as massas.
Por certo que o povo comentava que Yasuke se tornaria um Lorde graças ao seu temível patrão, mas não chegou a tanto, posteriormente ele é nomeado a categoria de "Shikan", conselheiro da guarda pessoal de Nobunaga, portanto, um Samurai de alto escalão.

Ilustração de Genjirou Minoda

Há quem diga também, sendo mais coerente com a época e circunstâncias, que Yasuke chegou a esse cargo por sua absurda força física, sua capacidade em aprender rapidamente e principalmente por sua lealdade ao patrão, fatos que impressionaram a Nobunaga.

Capa do livro de Shusaku Endou

Em junho de 1582, Nobunaga foi atacado em Honnô-ji (incidente de Honnô-ji) em Kyôto, pelo exército de Akechi Mitsuhide. Em meio as chamas da derrota numérica, Nobunaga comete suicídio por Seppuku. (Há controvérsias)
Yasuke também estava lá naquele momento. Imediatamente após a morte de Nobunaga, Yasuke se apresenta ao filho herdeiro de Nobunaga, Oda Nobutada e retira-se com ele ao Castelo de Nijo.
Quando este também é atacado por Akechi.

Imagem de Oda Nobunaga

Yasuke luta ao lado das forças de Oda Nobutada por muito tempo, Nobutada também comete o seppuku, e mesmo assim, Yasuke continua lutando até ser capturado e ter a sua vida poupada.
Ele então é enviado e custodiado pelos cristãos e aqui termina a sua breve história, ficando por conta dos detalhes adicionais um pouco da pessoa de Yasuke.


Detalhes adicionais

Riso For  Relutei muito em colocar os detalhes racistas dessa história. Mas apesar de eu não gostar desses pedaços históricos, a breve história de Yasuke só estaria completa postando absolutamente tudo o que está nas fontes.
Riso For 

Yasuke foi mencionado nos relatórios anuais da companhia de Jesus a Portugal, escritos por Luis Frois e nesse mesmo tempo, Lorenço Mexia escreve sobre a repercussão:

"Era um homem negro nunca antes visto em Kyôto, onde a multidão de pessoas se acotovelava para vê-lo." 

"Quando Nobunaga conhece o escravo, ele fica profundamente impressionado. Ordena então, a que tirassem a roupa do escravo e que o banhassem para ter certeza de que o seu tom de pele era natural mas, quanto mais o lavavam, mais a sua pele ficava bonita e brilhante."

Outro belo desenho de Yasuke

Nas crônicas de Nobunaga, há o seguinte registro:

"No dia 23 de março de 1581, um monge negro veio dos países cristãos. Aparentando ter 26 ou 27 anos de idade. Todo o seu corpo era preto como o de um touro. O homem era saudável e de boa aparência. Além disso, sua força era maior que a de 10 homens."

(O registro ou as crônicas de Nobunaga, são um registro dos seus feitos, compiladas no período Edo com base nos registros de Ôta Giyuchi)


No diário de Matsudaira Ietada, há o registro de que:

"Seu nome é Yasuke, seu corpo tem a cor equivalente ao do carvão e sua altura é de 6 Shaku 2 sun (1 metro e 87 centímetros)"

Altura essa que por si só já era algo incrível naqueles tempos.


Yasuke continua no combate em Nijo, mesmo após a morte de Nobutada, derrotando vários inimigos até ser capturado e levado a presença de Akechi, no qual um soldado pergunta: 

"-O que devemos fazer com este escravo negro?"

No que Akechi responde: 

"-Ele é uma besta, não tem conhecimento de nada e nem Japonês ele é. 
Levem-no ao Templo Nanpan e deixem-no lá." 

Embora esta frase denote desprezo pelo outrora escravo, acredita-se que este foi um modo oportuno que Akechi encontrou para salvar a vida de Yasuke. A verdade porém, é "desconhecida"

"Nanpanji" ou Templo Nanpan era o termo utilizado naquele tempo para designar a igreja cristã a que Yasuke foi enviado. Depois disso, não se sabe mais nada sobre ele. 
Mas segundo outra fonte, o Samurai Africano teria sido deportado e enviado as Índias.

Capa da reedição do livro de Yoshio Kurusu da década de 1960

Na década de 1940 Yoshio Kurusu publica o livro fictício "Kurosuke" com ilustrações de Genjirou Minoda, deixando na memória das crianças, o destaque de um personagem simpático e nobre.
O livro recebeu o prêmio infantil da Associação Japonesa de escritores em 1969.
Sendo esse livro a provável origem do outro nome a qual Yasuke é conhecido e que algumas fontes insistem em dizer que assim ele sempre foi chamado:
"Kuru San". (Senhor Negro) No entanto, no período Sengoku em que se passa a história, o termo "San" (Senhor) não era utilizado. E o termo correto para negro é "Kuro" e não "Kuru" (Kuro, mesmo naqueles tempos em que só havia os regionalismos idiomáticos, completamente diferentes do idioma oficial de hoje em dia).

Na década de 90, o canal de televisão NHK levou ao ar a novela "Nobunaga - King of Zipangu" e merece todos os aplausos, pois mostrou a participação de Yasuke, coisa que em outras produções sempre o herói era suprimido. Nessa novela, Yasuke tem o nome de Sotero, personagem vivido por Reed Jackson da imagem abaixo.

Ali acima, a fonte diz que ele foi poupado por esta ou aquela razão, mas que a verdade seria "desconhecida". No trecho abaixo avento uma hipótese que salvou a Yasuke da morte certa:

Saindo das fontes frias, e usando uma fonte informal e a minha não tão confiável memória Rusvalínica...

Certa vez o Senhor Aoki, chefe da seção, me contou o que sabia sobre Yasuke, em um dos longos intervalos para o cafezinho (chá) da empresa Oê em que trabalhei em Hiratsuka:

"-Yasuke? O Samurai negro? Se sabe muito pouco sobre ele...
Apenas que ele não bebia saquê, não usava palitos e comia com as mãos, era exímio lutador de sumô e no incidente de Honno-ji ele defendeu a Nobunaga e seu filho até onde pôde e após a suas mortes, ele ainda derrubou 10 guerreiros blindados e armados até os dentes, até ficar cercado pelo exército de Akechi, onde finalmente entregou a sua espada e só foi poupado porque reconheceram o seu valor em combate."

Ainda me lembro do Senhor Aoki demonstrando o gesto formal de abaixar a cabeça e entregar a espada com as duas mãos...

Vídeo do capítulo 48 da novela que citei acima, onde Yasuke aparece como o personagem Sotero junto de Valignano, do tradutor Yajiro e Nobunaga no minuto 20:00 em diante. (Há falas em português):


Abrax


Assinatura: Não vá embora ainda!Passe na página inicial AQUI e confira outros posts!
Os emoticons espalhados pelo blog são sonoros, clique neles mas cuidado com o volume!
Lista de todos os Smyles sonoros AQUI

2 comentários:

wulfgar disse...

cara.otimo post.desconhecia completamente esta historia.eu pensava que o primeiro contato dos japoneses com os africanos fosse muito mais tardio.isso que gosto no seu blog.sempre acabo me surpreendendo com os posts muito legal mesmo..

Rusmea R. M. disse...


Na verdade...

Há retalhos de registros (Coisa pequena mesmo!) De que 10 anos antes de Yasuke, os Japoneses tiveram contato com um Etiopiano. E só!

Não há mais registros que falem desse homem da Etiópia...
Por aquele tempo, segundo fontes, houveram um total de 10 homens oriundos do continente Africano, porém o único que teve destaque e por isso, os fragmentos de sua história chegaram até nós, foi Yasuke^^

Acho que a história foi muito ingrata com esse homem, poderiam ter contado um pouco mais dele...

Abrax^^